Tempo de leitura: 3 minutos

Com o crescimento de Teresina, o mercado imobiliário fez áreas da Zona Leste se tornarem bastante valorizadas. Algumas pela proximidades dos shoppings,  dos centros gastronômicos e de negócios, mas o que tem atraído investidores são áreas, que apesar de ainda estarem na região urbana, trazem a tranquilidade  e o clima ideal para o estabelecimento de um lar.

Nas áreas próximas a BR-343, sentido município de Altos, vários empreendimentos investiram em condomínios residenciais, alguns de alto padrão, além de empreendimentos tradicionais e mais afastados, como a Fazenda Real.

A região ficará mais valorizada ainda com a duplicação da rodovia que diminuirá os congestionamentos em horários de pico, além de outras obras estruturantes que garantem acesso a outras regiões da cidade, sem contar com a facilidade de trânsito ao litoral do estado. Os investimentos em lotes garantem a vantagem da valorização ou a construção de casas de acordo com o desejo de quem compra.

FATOR HISTÓRICO FAVORECE A ZONA LESTE
De acordo com o presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Piauí (Creci-PI), Nogueira Neto, a região historicamente surgiu como um espaço privilegiado para os teresinenses. “A Zona Leste surgiu no começo da cidade, basicamente na década de 50, com a construção de Jóquei Clube do Piauí. Com a ponte Juscelino Kubitschek, sacramentou a existência da Zona Leste, foi descoberta pelas pessoas que moravam no Centro, começou com sítios e depois, ao longo tempo,foi se urbanizando e se transformando em um bairro. E é uma realidade, é uma região consolidada, muito valorizada, podemos dizer que é uma das regiões mais caras do Piauí”, afirmou.

OPÇÕES PARA QUEM PREFERE MORAR EM CASA
Os apartamentos vieram para deixar a vida mais prática, mas tem muita gente que gosta de morar em casa, por isso as opções de residenciais têm muita preferência. Em Teresina a região, da BR-343 se torna ideal pela grande quantidade de terrenos disponíveis e a facilidade de acesso a outras regiões e cidades.

REGIÃO TEM MAIS PREFERÊNCIA
“Essa área tem uma preferência porque é próxima à Zona Urbana de Teresina, se expandiu, lá tem uma evasão urbana enorme, os terrenos estavam relativamente mais baratos, não que fossem mais baratos, mas estavam porque eram áreas grandes e a possibilidade de fazer loteamentos. São empreendimentos que são  sucesso de vendas e as pessoas moram lá por vários fatores”, diz o presidente do Creci.

TRANQUILIDADE, CLIMA AGRADÁVEL E PROXIMIDADE COM A NATUREZA
Um dos motivos que fazem cada vez mais os teresinenses preferirem regiões mais afastadas do centro urbano é a questão do conforto de morar em uma casa, o clima que é mais ameno, a proximidade com a natureza, além da valorização imobiliária da região, para quem gosta de investir.

CONSTANTE CRESCIMENTO
O presidente do Creci pontua que a região tem muito mais para crescer. “A Zona continua crescendo cada vez mais. Jóquei Clube no passado tinha muito que se fazer, que se construir, já está praticamente 100% construído e na medida que vai passando o tempo e população aumentando, vai surgindo novos bairros, aí já tem o Gurupi, teve o Horto Florestal, que já está se consolidando e assim vai, sempre vai ter crescimento, sempre vai ter crescimento. Eu acho a Zona Leste melhor opção para se comprar, para se morar, todos os serviços de Teresina, os bons serviços de Teresina estão aqui na zona Leste, observe que tem dois shoppings centers e muitos outros serviços, os mais diversos serviços, nas mais diversas áreas estão aqui na Zona Leste, bons restaurantes, é uma zona muito bem servida por isso é zona que se expande cada vez mais”, conclui.